© Copyright

A respeito da artista

Nasci em Dijon em 1965 de pais apaixonados pela pintura. Foi meu pai, aliás, que me iniciou nessa arte, após ele mesmo ter descoberto, mais tarde em sua vida, a alegria de pintar.

Não foi essa, contudo, a via que primeiramente segui. Fiz estudos de geografia tropical e depois trabalhei três anos na África no setor de desenvolvimento agrícola e rural. Sempre fui fascinada por lugares diferentes e, mais particularmente, pelos mundos onde se vive "o instante", em que se vai ao essencial.

Gosto de viajar e, do México, passando pelos Estados Unidos, a Malásia, o Egito, a Tanzânia, o Marrocos, o Senegal, os países da Europa e ainda outros, retive aqueles cujas condições de vida são difíceis; me emocionam. Minha longa estada na África despertou meus sentidos e fortificou meu caráter. Entrei numa dimensão e engajamento que se expressam em minhas telas.

Após retornar do continente negro, fui ao reencontro daquele que seria meu futuro esposo, a quem conheci no Senegal, mas que se encontrava na Suíça (expatriado por uma multinacional). Nesse país, passamos dois anos, antes de partirmos para a República tcheca onde ficamos por sete anos. Foi lá que meu pai comprou os meus primeiros pincéis e me ensinou a técnica da pintura a oléo. Completei minha formação através de estágios junto a pintores franceses.

Pinto desde 1998 e meu estilo se afirmou sob diversas formas: o abstrato, o naif e o expressionismo. Gosto de trabalhar a cor que fornece vida, e as formas, notadamente as mais simples como o círculo e o traço que evocam a doçura e o rigor, o feminino e o masculino. A simetria engendra o ritmo e, como os países e as pessoas que me inspiram, vou ao essencial.

Desde o fim de 2003, estamos em Lisboa onde continuo a me enriquecer e desenvolver.

contact: corinne@corinne-le-cicle.com